Pular para o conteúdo principal

Jardim Paulista | Atrações Turisticas e Requinte

Visitar São Paulo e não fazer uma caminhada ou passeio à pé pelas principais ruas do Jardim Paulista é como ir à Roma e não visitar o Coliseu ou ir à Nova York e não passar pela Broadway.
O Jardim Paulista além de uma atração turística, é uma das áreas mais nobres da cidade, com bastante requinte, e que possui um urbanismo feito para a escala humana, ou seja, onde é possível morar até sem ter automóvel, pois voce encontra tudo próximo e taxis passando nas ruas à toda hora. O bairros tem traçado ortoganal ou tradicional, composto de ruas retas formando angulos de 45º entre sí.
Os moradores do local são predominantemente de classe alta ou classe média-alta. O bairro situa-se também em uma das regiões mais altas da cidade, no chamado "Espigão" da Av. Paulista. Entretanto, basta andar um pouco que voce encontras grandes ladeiras, ao descer pelas Ruas Augusta ou Hadock Lobo por exemplo, até chegar à famosa Rua Oscar Freire.

Ruas do bairro tem nome de cidades


O bairro surgiu no início do século 20, quando grandes proprietário de terras no local fizeram loteamentos.
Rua Augusta esquina com Alameda Santos
Rua Augusta
Com raras exceções, as ruas do bairro tem nome de municípios paulistas, como as alamedas Jáu, Santos, Tietê, Itú e Campinas.
Em meados do século 20 o bairro passou a ser verticalizado com a demolição das antigas casas e construção de edifícios de apartamentos e escritórios. Muitas lojas de comércio também se estabeleceram no local, nas antigas casas. No local concentram-se inúmros apart-hoteis e hotéis de luxo. Muitos consulados também se estabeleceram no local.

Principais ruas do bairro e por onde passear


Andar a pé no local é fundamental para observar a arquitetura, o velho e o novo, as lojas e boutiques luxuosas como também algum comércio popular na Rua Augusta. Entre as principais ruas do bairro estão a Av. Paulista que aqui sugere-se passear pela mesma com mais tempo em dia separado.
Rua Augusta após Alameda Jaú em direção à esq. Al. Franca
Rua Augusta
Caso voce não esteja hospedado no local, para chegar ao bairro basta pegar o metrô e descer na Estação Consolação na Av. Paulista.
No passeio pelo Jardim Paulista sugere-se pegar a Rua Augusta na esquina com a Av. Paulista, onde situa-se o Conjunto Nacional e descer à pé até a Oscar Freire. Depois caminhar um pouco pela Oscar Freire e retornar, pela Hadock Lobo, subindo novamente até a Av. Paulista ou até a alameda onde voce estiver hospedado, caso tenha escolhido o Jardim Paulista para sua base em SP. As ruas próximas à Augusta e Oscar Freira, como Rua Haddock Lobo, Alameda Lorena e Bela Cintra e também contam com muito comércio, boutiques, bares e cafés.

Rua Augusta


Esta é uma das ruas mais famosas de São Paulo e também do Brasil. Quem não se lembra do hit dos anos 1960 - "Desci a Rua Augusta a 120 por hora...."?
Rua Augusta esquina com Alameda Jaú
Rua Augusta
Nas décadas de 1950 e 1960 situavam-se na Rua Augusta muitas das lojas mais requintadas de São Paulo. Depois a rua perdeu seu antigo glamour e se popularizou, e hoje vemos um misto de comércio mais popular e também alguns locais sofisticados. É um lugar onde é possível fazer uma café da manhã ou refeição mais barata na área do Jardim Paulista. A rua pode tem duas partes com caracteristicas um pouco diferentes. Entre a Av. Paulista até o bairro Jardins é repleta de lojas, bares, restaurantes e cafés. Na parte chamada de Baixo Augusta é existem muitos bares e baladas que atraem diferentes tipos de pessoas e gostos musicais.

Rua Oscar Freire


Rua Oscar Freire | Trecho entre R. Augusta e R. Hadock Lobo
Rua Oscar Freire
A rua Oscar Freire pode ser comparada à Rodeio Drive de Los Angeles, ou seja uma rua onde se instalam boutique caríssimas de grifes nacionais e internacionais. Uma calça jeans de bom nível e de grife não tão famosa que voce compra por R$ 70 em uma boa loja de shopping, na Oscar Freire voce pode encontrar por preços entre R$ 350 e R$ 400 se for uma Kalvin Klein por exemplo. Enfim, em termos de lojas a rua é sinônimo de elegância e ostentação na cidade. Na rua também existem bares, restaurantes e cafeterias muito procurados e conhecidos. Mesmo que voce não vá comprar nada, ainda assim é um importante local de passeio. A área é bem movimentada, e a noite nos finais de semana super agitada.

Veja também assuntos relacionados e sugeridos:

  • Livro "Rua Augusta - A Calçada da Glória" de Cleber Ragazzo, da Digerati Books, conta a história desta nos anos 50, 60 e 70 quando exercía influência em termos de moda sobre todo o pais.
  • Site da Associação dos Lojistas dos Jardins, sobre a Rua Oscar Freire

Comentários

Anônimo disse…
Quando estive em São Paulo fiquei nos Jardins. O local é muito bacana e seguro e concordo que vale a pena ficar lá, mesmo pagando um pouco mais pela hospedagem.
Uma coisa interessante que noite é que na Rua Augusta os preços de bares e alguns restaurantes pequenos ou populares são bem baratos. Fica aqui uma dica para quem não quer gastar muito, vá na Rua Augusta e vai encontrar sucos e bons sanduiches com ótimos preços. Ou seja, preços de "povão" em pleno Jardins Paulista ! :)

Postagens mais visitadas deste blog

Zoológico SP | Como ir e o melhor para ver

O zoo de São Paulo é enorme, os animais têm bastante espaço e são bem tratados. Certamente é o melhor do Brasil e da América do Sul. É uma uma atração turística e local de passeio que voce precisa visitar.

Museu e Parque do Ipiranga | História, Arquitetura e Áreas Verdes

O Parque da Indepência, planejado no local onde foi proclamada a Independência do Brasil engloba o Museu Paulista que também é conhecido como Museu do Ipiranga, grandes jardins e o Monumento da Independência.

Jardins | Bairros Nobres de SP

A área chamada de Jardins em São Paulo engloba vários bairros projetados no início do século 20 sob influência de uma escola e conceito de urbanismo desenvolvido principalmente na Inglaterra no século 19, chamado de "Cidades Jardins". São muito arborizados, possuem ruas sinuosas e as calçadas com com faixas de áreas verdes além de praças.